Labareda

images (2)

Quando é que você vai abrir essa porta e me arrastar pra dentro de você, pra onde eu deveria estar, para onde eu já estou, que eu sei que eu sou cento e sessenta centímetros de pólvora e sou intensa demais, franca demais, descomedida demais pra tudo, mas por algum motivo você entende, você não me condena, você quer, você sopra a brasa até ela inflamar inflamar, e eu tô cheia de febre, eu te quero por dentro por trás dos olhos e deve ter que ser assim, só pode ser, porque nunca nada fez tanto sentido e tem desejo demais pra eu me preocupar com pontuação, que eu já cansei dessa horda de gente que aparece de todo canto querendo me domar só porque tem medo da fera que grita por dentro mas você vem aqui brincar com ela com essa voz rasgada que raspa na minha pele e me enlouquece, o que é que a gente tá esperando pra tocar fogo na cidade inteira agora que eu já sei, eu já sei que dá, eu já sei que existe, então chuta essa porta e me arrasta pra dentro que é onde eu quero estar e nunca mais sair.

Anúncios

Um comentário em “Labareda

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s